31 janeiro 2009

Devicional para Sábado, 31 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
Porque o SENHOR Deus é sol e escudo; o SENHOR dá graça e glória;
nenhum bem sonega aos que andam retamente.
-- Salmos 84:11

PENSAMENTO:
Deus não poupa sua bondade! De fato, o Pai adora dar presentes
aos seus filhos. Estes presentes são de todos os tipos. Todos eles
dados com alegria. Como eu sei disso? De três maneiras: 1) Eu tenho
sido abençoado repetidamente; 2) Eu sei o que Deus fez para
abençoar seu povo através dos séculos; 3) A Palavra dele assegura
isto.

ORAÇÃO:
Pai, eu quero lhe agradecer por tantas bênçãos que o Senhor tem
derramado na minha vida. Eu quero citar várias delas hoje (faça sua
lista de coisas pelas quais você é grato). Acima de tudo, obrigado
pelo presente de Seu Filho e meu Salvador, Jesus. No seu nome eu
oro. Amém.

30 janeiro 2009

Devocional para Sexta-feira, 30 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
Muitos propósitos há no coração do homem, mas o desígnio do
SENHOR permanecerá.
-- Provérbios 19:21

PENSAMENTO:
Quais são os seus planos para hoje? Se você é como eu, ora para
planejar seu dia com cuidado. Você marca encontros com pessoas com
antecedência, para ajudá-las em suas necessidades, ouvir suas
preocupações, ou discutir assuntos e projetos. Mas nós sempre
precisamos viver humildemente, reconhecendo que nenhum de nossos
planos terá valor senão vier do Pai.

ORAÇÃO:
Santo Deus e Pai justo, por favor me abençoe enquanto tento
discernir a sua vontade nas decisões que farei hoje. Eu reconheço
que cada partícula de ar que respiro é um dom do Senhor, e que cada
sucesso é fruto da sua graça. Por favor, use-me para a sua glória e
ajude-me a encontrar o seu caminho para a minha vida. No nome de
Jesus eu oro. Amém.

29 janeiro 2009

Devocional para Quinta-feira, 29 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
A ti clamaram e se livraram; confiaram em ti e não foram
confundidos.
-- Salmos 22:5

PENSAMENTO:
Este Salmo de desespero, citado por Jesus na cruz, é também um
Salmo de esperança e fé. A história da fidelidade de Deus para com
seu povo Israel é um lembrete constante de que podemos confiar nele
para nos livrar. Mesmo que a resposta de Deus possa parecer
demorada, na nossa maneira de medir o tempo, o registro dele na
história nos mostra que ele responderá, livrará e abençoará seu
povo a tempo. No pior dos casos, podemos lembrar que Deus é fiel e
atento aos nossos clamores de desespero, lamento, dor, agonia e
medo.

ORAÇÃO:
Eu peço, querido pai, que o Senhor abençoe seu povo em todo
canto, em situações difíceis. Dê-lhes poder através do seu Espírito
e abençoe-os com uma mudança para o melhor. Por favor, ouça os
clamores do seu povo e aja rápido para protegê-los, preservá-los e
vindicá-los. No nome de Jesus eu oro. Amém.

28 janeiro 2009

Devocional para Quarta-feira, 28 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
Os ímpios não são assim; são, porém, como a palha que o vento
dispersa.
-- Salmos 1:4

PENSAMENTO:
Não importa o êxito aparente e temporário dos planos perversos e
poderes maus. Tudo acaba na sepultura e é varrido, deixando o
perverso de mãos vazias diante da justiça de Deus.

ORAÇÃO:
Querido Pai, por favor me ajude a resistir a tentação de admirar
ou exaltar aqueles que têm bom êxito através de recursos, esquemas,
métodos e planos maus. Ajude o meu coração a buscar seu Reino e sua
justiça. No nome de Jesus eu oro. Amém.

27 janeiro 2009

Hein?! Deus Virtual?

Não faltavam inventar mais nada! Agora você tem o "Deus Virtual", onde segundo o próprio site:

"Para ganhar você deve pedir..."
Pensando nas leis da positividade, acreditamos que em algum lugar
do mundo podemos encontrar alguém com vontade de lhe ajudar ou
dar um conselho e até mesmo atender um pedido !
Encontre aqui um lugar para desabafar seus problemas !
Nosso Deusvirtual pode lhe ajudar !"


Clique AQUI para pedir...

Devocional para Terça-feira, 27 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
  Ele é como árvore plantada junto a corrente de águas, que, no
devido tempo, dá o seu fruto, e cuja folhagem não murcha; e tudo
quanto ele faz será bem sucedido.
   -- Salmos 1:3

PENSAMENTO:
  Alguns tipos de prazeres terrenos podem alimentar nossos
corações por um pouco de tempo, mas quando a dificuldade vem,
nossos corações secam com a seca. No entanto, prazer no SENHOR e na
sua vontade para nós dá-nos alegria contínua e sempre renovada.
Este estilo de vida proporciona benefícios a curto prazo e a longo
prazo, e a resistência que suporta as piores estiagens da vida.

ORAÇÃO:
  Querido Deus, Santo no céu, eu sinto prazer no ?Senhor e nos
seus caminhos, e me renovo através do seu Espírito que habita em
mim. Por favor, dê-me a sabedoria de buscar sua vontade todos os
dias da minha vida. No nome de Jesus eu oro. Amém.

26 janeiro 2009

Devocional para Segunda-feira, 26 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
  Antes, o seu prazer está na lei do SENHOR, e na sua lei medita
de dia e de noite.
   -- Salmos 1:2

PENSAMENTO:
  Prazer! Você encontra prazer nas coisas de Deus? Que coisas
santas do seu Pai no céu ocupam seu pensamento durante o dia? Que
tal juntar-se a mim e tentar colocar mais da Palavra de Deus na sua
mente, através de memorização, e no seu coração através de estudo
Bíblico guiado por oração?

ORAÇÃO:
  Pai do céu, santo e justo em todos os seus caminhos, eu confesso
que não uso meus pensamentos da melhor maneira. Muitas vezes eu
permito minha mente vagar por áreas que eu nem deveria explorar. Às
vezes eu me concentro demais em coisas infrutíferas. Eu quero minha
mente e meu coração mais em sintonia com o Senhor, sua Palavra, sua
vontade, e seu caminho. Dê-me sabedoria verdadeira, iluminada por
seu Espírito, para ver, conhecer, absorver, e contemplar as coisas
que estão mais próximas ao seu coração. No nome de Jesus. Amém.

25 janeiro 2009

Caminhos da India?

"… porque os caminhos do Senhor são retos, e os justos andarão neles …" Os. 14:9
        Ainda me recordo quando estava no Brasil me preparando para ir à Índia a quantidade de livros e artigos na internet que tive de estudar para não ser tão ignorante da vasta cultura que teria de enfrentar pela frente. Percebi que por onde ia, difícilmente encontrava alguém que pudesse me adicionar algum conhecimento prático do que realmente é a Índia. E ainda hoje para a maioria de nós brasileiros este sub-continente é um mistério cercado de lendas e mitos.
Quando cheguei a Índia, verifiquei que todo meu conhecimento vindo dos livros e horas na frente de um computador pouco me ajudaram. E hoje depois de quase 4 anos neste país continuo um aprendiz, e cada vez mais me convenço que poderei viver aqui por décadas e não compreenderei toda esta diversidade que me cerca.. 
Nos últimos meses tenho recebido e-mails e até mesmo ligações de pessoas de várias partes do Brasil empolgadas me contando da novela que a globo lançará com uma estória baseada na Índia, com o título "Caminhos da Índia". Começei investigar qual seria a trama da novela e quais seriam os pontos de exploração usados. 
Não para minha surpresa descobri que será uma novela totalmente voltada para a divulgação do hinduísmo no Brasil. Para quem não sabe, grande parte da população da Índia é hindu. O hinduísmo é uma religião politeísta com seus mais de 33 milhões de deuses, que são adorados das mais diversas maneiras. 
Quando o telespectador brasileiro ligar sua televisão para ver essa novela, estará abrindo as portas de seu lar, sua mente e coração para receber toda a influência do culto e adoração dado a estes deuses e seus mantras, rituais, sacrifícios e oferendas. 
Óbviamente não posso escrever esta carta de uma maneira convincente a todos os telespectadores brasileiros, pois cada um acredita no que quer e ver e recebe o que bem entende. 
Mas de uma forma bem específica posso alertar que nós os cristãos comprometidos podemos fácilmente fazer com que essa novela seja um fracasso. O que não seria fazer passeatas, abaixo assinado, greve de fome, etc... Isso sinceramente não resolve nada. A forma mais simples e eficaz seria primeiramente e principalmente sermos sinceros e sensatos e não assistirmos essa novela. Não conectarmos nossos televisores a este canal no momento em que estiver no ar este proselitismo explícito da religião hindu em nossos lares. Não podemos compactuar com esta maldição que está prestes a invadir nossas casas. 
Não é hora de sermos hipócritas! Os evangélicos brasileiros são noveleiros SIM!!! Fiz questão de não trazer estatísticas para provar o que estou falando. No fundo sabemos que o povo evangélico é um dos grandes responsáveis pelo sucesso que as novelas "globais" e não "globais" fazem no país. Por que nós somos um dos principais consumidores desse lixo que é vendido em nossos televisores 6 vezes por semana. 
Somos mais de 35 milhões de evangélicos no país, se contarmos que somente 10% deste número seja noveleiro ( o que acredito ser muito mais) e aderirem ao boicote, serão mais de 3 milhões e 500 mil pessoas que não assitirão esta novela e farão que ela seja um fiasco de audiência.
Conclamo vocês meus irmãos a não compactuarem com isso. Não sejam responsáveis por tamanho mal a nossa nação, não seja um patrocinador da obra de satanás. Essa novela não pode trazer nenhum benefício para sua vida, pelo contrário estará contaminando o ambiente familiar de sua casa com mensagens demoníacas e tão pouco servirá como uma fonte de conhecimento de outra cultura. Não veja essa novela, faça que ela seja um fracasso e saia do ar. Nós temos a força, só basta fazermos nossa parte.
Repasse para todos os seus contatos cristãos. Unidos podemos. 
Que o Senhor os dê graça e sabedoria. 
Shakti. 



Paulo e Valdeti Campos
Junta Menonita de Missões Internacionais
Telefone: (16) 3964-1896
Celular: (16) 9111-6987
Rua Joaquim Marques, 374
14.031-380 Ribeirão Preto - S.Paulo.

Contribuições:
Aliança Evangélica Menonita
Banco Itaú - Ag. 0865 c/c 35.491-4

Devocional para Domingo, 25 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
  Bem-aventurado o homem que não anda no conselho dos ímpios, não
se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos
escarnecedores.
   -- Salmos 1:1

PENSAMENTO:
  É tão comum vermos pecado e estilos de vida mundanos serem
exibidos como glamorosos. O caminho da bênção, no entanto, é o
caminho de Deus. A vontade dele é para o nosso bem; seus
mandamentos emergem da sua misericórdia e proteção; e seu caminho é
o caminho para a vida. Nós somos abençoados quando andamos com Deus
e fazemos Sua vontade.

ORAÇÃO:
  Perdoe-me, Pai, por acreditar nas mentiras do mundo, e por ser
enganado e seduzido pelas tentações de Satanás. Eu sei que pecado
traz sofrimento, complicações e problemas. Eu sei também que fazer
escolhas certas, defender a verdade, e viver fielmente para o
Senhor às vezes é muito difícil. Por favor, ajude o meu coração a
acreditar, e os meus olhos a verem que andar na sua vontade me dá
vida. Eu lhe peço isto no nome de Jesus. Amém.

24 janeiro 2009

Devocional para Sábado, 24 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
  Tributai ao SENHOR a glória devida ao seu nome, adorai o SENHOR
na beleza da santidade.
   -- Salmos 29:2

PENSAMENTO:
  Dar glória não é algo que fazemos com facilidade. Admitamos.
Somos mais acostumados a pedir coisas a Deus do que a abençoá-lo e
a chamar outros para Ele. Então, usemos o resto desta semana para
fazer orações de agradecimento e louvor, glorificando o santo nome
de Deus.

ORAÇÃO:
  Pai, o Senhor é maravilhoso e magnífico, além da minha
capacidade de descrever e compreender. Obrigado por mandar Jesus
para me ajudar a captar um pouco da sua glória. Obrigado por
sustentar a mim e aqueles que amo. Eu lhe agradeço no nome de
Jesus. Amém.

23 janeiro 2009

Devocional para Sexta-feira, 23 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
  Então, ele me disse: A minha graça te basta, porque o poder se
aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, mais me gloriarei nas
fraquezas, para que sobre mim repouse o poder de Cristo.
   -- 2 Coríntios 12:9

PENSAMENTO:
  Enquanto outros pregadores nos dias de Paulo se mostravam com
suas credenciais, Paulo se recusava a entrar num concurso de
vantagens para provar que ele era o mais impressionante dos
discípulos de Jesus. Mesmo que ele tivesse a educação religiosa e o
Pedigree Judaico para silenciar seus rivais, ele preferia
reconhecer suas áreas de fraquezas, nas quais Deus havia triunfado
sobre suas limitações. Tenhamos cuidado hoje ao examinar e
determinar o valor do ministério de alguém, baseando-nos no seu
currículo. Ao invés disto, procuremos por pessoas nas quais a graça
de Deus tenha triunfado.

ORAÇÃO:
  Pai poderoso e amável, obrigado por me sustentar e me capacitar
a servi-lo em maneiras nas quais eu jamais sonhara. Por favor,
ajude-me a servi-lo fielmente, à medida em que me aprofundo na sua
graça. No nome de Jesus eu oro. Amém.

22 janeiro 2009

Devocional para Quinta-feira, 22 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
  Logo, muito mais agora, sendo justificados pelo seu sangue,
seremos por ele salvos da ira. Porque, se nós, quando inimigos,
fomos reconciliados com Deus mediante a morte do seu Filho, muito
mais, estando já reconciliados, seremos salvos pela sua vida;
   -- Romanos 5:9-10

PENSAMENTO:
  Jesus fez mais do que morrer por nossos pecados; ele vive como
Senhor ressuscitado. Então, se Deus tiraria o céu de seu Filho,
deixaria-o morrer na cruz, e faria-o ressuscitar dentre os mortos,
para nos salvar, pense no que Deus tem reservado para nós , uma vez
que já nos salvou! Quando se trata do poder salvador de Jesus e da
impressionante graça de Deus, nada se compara a isto!

ORAÇÃO:
  Santo Senhor, eu anseio pelo dia no qual lhe verei e sentirei a
sua graça, em toda a sua plenitude. Encha-me com coragem hoje para
que eu possa encarar os desafios no meu caminho, e viver fielmente.
Pai, eu acredito que o melhor que Jesus quer fazer na minha vida
ainda está por vir. Então, use-me para a sua glória. No nome de
Jesus eu oro. Amém.

21 janeiro 2009

Sobre o juízo temerário.

Cada vez mais tenho percebido que parte dos evangélicos estão vivendo um estranho tipo de evangelho. O sensacionalismo bem como o emocionalismo catársico, fruto do chamado retété de Jeová tem ditado em nome do Espírito Santo comportamentos absolutamente contrários aos ensinos bíblicos.
Em nome da experiência, doutrinas e práticas litúrgicas das mais estapafúrdias tem se multiplicado em nossos arraiais. "Sapatinho de fogo, unção do cajado, do riso, do leão, da urina, galo que profetiza”, entre tantas outras mais fazem com ruborizemos diante de tanta sandice.
Talvez ao ler este texto você esteja dizendo com seus botões: quem somos nós para julgar alguém? A Bíblia nos ensina que não podemos julgar ninguém. Ora, quando o Senhor Jesus advertiu contra o juízo temerário (Mt 7:1-6), Ele não estava declarando pecaminoso e proibido toda e qualquer forma de juízo. Dentro do contexto de Mateus nosso Senhor nos induz a discernir quem é cão e porco para que não se desperdice a graça de Deus. Julgar não é pecado! Afinal o próprio Deus exerce juízo. Ele mesmo nos ordena exercer o discernimento, que diga-se de passagem é o dom mais ignorado, e talvez o mais odiado hoje em dia.
Cristo julgou os escribas e fariseus pelo seu comportamento hipócrita e doutrinariamente distorcido (Mt 23:1-36). Se o julgar não é o papel de um homem de Deus, então creio que tanto os profetas do Antigo Testamento como os apóstolos devem ser despidos deste título! O que falar então dos crentes de Béreia? Ora, diz a Bíblia que ele não engoliam qualquer ensinamento, antes pelo contrário, verificavam se o ensino estava de acordo com a sã doutrina.
Como já escrevi inúmeras vezes, creio veementemente que boa parte dos nossos problemas eclesiásticos se deve ao fato de termos abandonadoas Escrituras. Não tenho a menor dúvida de que somente a Bíblia Sagrada é a suprema autoridade em matéria de vida e doutrina; só ela é o árbitro de todas as controvérsias, como também a norma para todas as decisões de fé e vida. É indispensável que entendamos que a autoridade da Escritura é superior à da Igreja, da tradição, bem como das experiências místicas adquiridas pelos crentes. Como discípulos de Jesus não nos é possível relativizarmos a Palavra Escrita de Deus, ela é lâmpada para os nossos pés e luz para os nossos caminhos.
O reformador João Calvino costumava dizer que o verdadeiro conhecimento de Deus está na bíblia, e de que ela é o escudo que nos protege do erro.
Em tempos difíceis como o nosso, precisamos regressar à Palavra de Deus, fazendo dela nossa única regra de fé, prática e comportamento.
Soli deo Gloria.
Renato Vargens

Creio em milagres

Um mineiro de carvão se converteu. Seus amigos acharam graça. Ficaram tirando onda com ele. Antes ele bebia muito, e não acreditaram na conversão dele.

- "Carlos, você acredita que Jesus virou água em vinho naquela festa?" perguntaram.

- Carlos respondeu. "Não sei se Jesus realmente virou água em vinho naquela casa. Mas, eu sei que na minha casa ele virou cachaça em comida na mesa."

MORAL DA HISTÓRIA:
Qual a maior prova de milagres? A transformação na vida dele.
Por que eu acredito nos milagres de Jesus? Pelos milagres que ele fez na minha vida.
Não vi Jesus virar água em vinho. Não vi ele tornar cinco pães num banquete para cinco mil. Mas, eu vi ele tornar um homem violento, revoltado, e vingativo numa pessoa que até seus velhos amigos dizem - "Só Deus pode ter feito isso."
Há pessoas violentas, corruptas, entregues a todo tipo de paixão e vício. Jesus as mudou.
Elas acreditam em milagres? Elas acreditam em transformação?
Acreditam sim! Porque elas viram milagres nas suas próprias vidas. Você acredita em milagres?
______________________________________________________________________________________________
Autor desconhecido

Devocional para Quarta-feira, 21 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
  Mas Deus prova o seu próprio amor para conosco pelo fato de ter
Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores.
   -- Romanos 5:8

PENSAMENTO:
  É interessante que a Bíblia não diz apenas que Deus nos ama. Diz
que “Deus demonstrou seu amor…”  “E nisto consiste o amor, não que
nós amamos a Deus, mas que Deus nos amou e deu…” “Porque Deus amou
o mundo de tal maneira que deu…” Amor é mais do que emoção ou
intenção. Amor verdadeiro, redentor, no estilo de Deus, é ativo;
faz alguma coisa. Para nós, Jesus fez mais do que alguma coisa. Ele
sacrificou tudo. E mais, Ele fez quando mais precisávamos. Ele
demonstrou seu amor quando ainda éramos pecadores.

ORAÇÃO:
  Pai, obrigado por me amar. Eu lhe amo. Eu lhe amo pelo que o
Senhor fez. Eu lhe amo por quem o Senhor é. Eu lhe amo por causa de
suas promessas. Eu lhe amo devido à sua fidelidade. Acima de tudo,
querido Pai, eu lhe amo por cause de Jesus, que me mostrou o quanto
o Senhor me ama. Por favor, dê-me poder para mostrar meu amor
servindo e dando aos outros como Jesus o fez. No nome dele eu oro.
Amém.

20 janeiro 2009

Não sou evangélico

Infelizmente, a mídia apenas pondera fatos que lhe interessam para cada vez mais denegrir a "imagem" dos "evangélicos".
Por isso não sou evangélico.
Sou cristão.
Sou semelhante à Cristo e pronto.
Felizmente as profecias sobre os últimos dias teem se cumprido.
Os "amantes de si mesmos" estão lotando "igrejas".
Os "gananciosos" estão abrindo mais e mais "shows da Fé".
Os "presunçosos" a cada dia tem se enchido de títulos "apostolátricos" e "bispolátricos".
Tornando-os "soberbos", "blasfemos", e todas as demais características dos últimos dias, referidas por Paulo em sua segunda Epístola a Timóteo.
Está muito claro.
Claríssimo.
Só não enxerga quem não quer ver
Cegos guiando cegos.
Se isto está se cumprindo, temos a certeza, que as demais também se cumprirão em breve.
Muito breve mesmo.
Jesus virá!

Maranatha!

Ora vem Senhor Jesus!


II TIMÓTEO 03

1 Sabe, porém, isto, que nos últimos dias sobrevirão tempos penosos;
2 pois os homens serão amantes de si mesmos, gananciosos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a seus pais, ingratos, ímpios,
3 sem afeição natural, implacáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, inimigos do bem,
4 traidores, atrevidos, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus,
5 tendo aparência de piedade, mas negando-lhe o poder. Afasta-te também desses.
6 Porque deste número são os que se introduzem pelas casas, e levam cativas mulheres néscias carregadas de pecados, levadas de várias concupiscências;
7 sempre aprendendo, mas nunca podendo chegar ao pleno conhecimento da verdade.
8 E assim como Janes e Jambres resistiram a Moisés, assim também estes resistem à verdade, sendo homens corruptos de entendimento e réprobos quanto à fé.
9 Não irão, porém, avante; porque a todos será manifesta a sua insensatez, como também o foi a daqueles.
10 Tu, porém, tens observado a minha doutrina, procedimento, intenção, fé, longanimidade, amor, perseverança,
11 as minhas perseguições e aflições, quais as que sofri em Antioquia, em Icônio, em Listra; quantas perseguições suportei! e de todas o Senhor me livrou.
12 E na verdade todos os que querem viver piamente em Cristo Jesus padecerão perseguições.
13 Mas os homens maus e impostores irão de mal a pior, enganando e sendo enganados.
14 Tu, porém, permanece naquilo que aprendeste, e de que foste inteirado, sabendo de quem o tens aprendido,
15 e que desde a infância sabes as sagradas letras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela que há em Cristo Jesus.
16 Toda Escritura é divinamente inspirada e proveitosa para ensinar, para repreender, para corrigir, para instruir em justiça;
17 para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente preparado para toda boa obra.

Devocional para Terça-feira, 20 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
Porque Cristo, quando nós ainda éramos fracos, morreu a seu
tempo pelos ímpios. Dificilmente, alguém morreria por um justo;
pois poderá ser que pelo bom alguém se anime a morrer.
-- Romanos 5:6-7

PENSAMENTO:
Cristo morreu pelo injusto. Cristo morreu por mim. Sem sua morte
sacrificial, sem a graça de Deus, eu não tenho como me salvar ou me
fazer justo. Jesus fez por mim o que eu não podia e pagou minha
dívida de pecado, que eu não podia pagar. Ele fez isto por mim; não
porque eu era bom o suficiente para ser digno da sua morte, mas
porque eu não poderia ser digno sem ele.

ORAÇÃO:
Deus amoroso, obrigado. Salvador que se sacrificou por mim, eu
lhe louvo. Palavras não podem expressar minha gratidão pelo dom da
sua graça que custa tanto, e que significa tanto para mim. Toda
honra e toda glória e louvor ao meu Pai que senta no trono, e ao
meu Senhor que foi para a cruz. No seu nome eu ofereço graças.
Amém.

19 janeiro 2009

Devocional para Segunda-feira, 19 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
Ora, a esperança não confunde, porque o amor de Deus é derramado
em nosso coração pelo Espírito Santo, que nos foi outorgado.
-- Romanos 5:5

PENSAMENTO:
O termo Esperança adquiriu uma conotação tão fraquinho no
vocabulário moderno, que quase não corresponde ao sentido da
maioria das passagens do Novo Testamento. Esperança é a certeza de
que o que acreditamos acontecerá. Poderíamos chamar de confiança
espiritual. E nós a temos porque o que repousa nos nossos corações
é mais do que apenas um desejo, uma emoção, ou uma crença. O
próprio Deus habita em nós pelo Espírito Santo. Quando nos tornamos
cristãos, Jesus derrama o Espírito em nós (Tito 3:3-7), como
presente de Deus para nós ( Atos 2:38; 5:32) para nos limpar (1 Co
6:11), fazer de nós parte do mesmo Corpo (1 Co 12:12-13), e habitar
dentro de nós (1 Co 6:19-20). Paulo acrescenta mais uma coisa à
lista de bênçãos que vêm da presença de Deus dentro de nós - o amor
de Deus. Não é algo que apenas temos, mas que Deus continua
renovando através do Espírito Santo, tal como Jesus prometeu (João
7:37-39)

ORAÇÃO:
Deus Santo e Poderoso, tremendo em poder e majestoso em
santidade, obrigada por não ter apenas vindo a nós em Cristo, mas
por também habitar em nós através do seu Espírito. Por favor,
derrame seu amor dentro do meu coração, para que o fruto da sua
graça possa fluir de mim para aqueles ao meu redor, a fim de que
conheçam a sua graça. No nome de Jesus eu oro. Amém.

Devocional para Domingo, 18 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
E não somente isto, mas também nos gloriamos nas próprias
tribulações, sabendo que a tribulação produz perseverança; e a
perseverança, experiência; e a experiência, esperança.
-- Romanos 5:3-4

PENSAMENTO:
O que você pretende produzir em sua vida? Riqueza, fama, status,
significado, uma herança? Que tal caráter! Ter o caráter de Deus
não é realmente o nosso alvo nessa vida? Então, mesmo nos piores
dias de nossa vida, se formos pessoas de caráter, nada pode tirar
de nós o que mais desejamos, o caráter de Deus, dado a nós em Jesus
Cristo.

ORAÇÃO:
Querido Pai, por favor abençoe-me para que eu possa ser forte em
tempos difíceis e consistente em santidade de caráter. Por favor,
dê-me um coração corajoso e compassivo, para que eu possa, mesmo
que um pouquinho, lembrar outros de como o Senhor é, e do que pode
fazer nas suas vidas. No nome de Jesus eu oro. Amém.

17 janeiro 2009

Devocional para Sábado, 17 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
Justificados, pois, mediante a fé, temos paz com Deus por meio
de nosso Senhor Jesus Cristo; por intermédio de quem obtivemos
igualmente acesso, pela fé, a esta graça na qual estamos firmes; e
gloriamo-nos na esperança da glória de Deus.
-- Romanos 5:1-2

PENSAMENTO:
Justificado, paz, acesso, graça, esperança e glória - que
coleção maravilhosa de presentes! Cada um destes presentes é nosso
por causa de Um - uma razão, uma pessoa, e um Senhor: Jesus Cristo,
o Filho de Deus, nosso Salvador.

ORAÇÃO:
Eu lhe louvo, Senhor Jesus, por tudo que o Senhor fez para me
abençoar com sua salvação. Eu lhe louvo, querido Senhor, por sua
promessa de voltar e me levar para compartilhar de sua glória.
Venha logo e purifique-me para o seu serviço. No nome de Jesus eu
oro. Amém.

15 janeiro 2009

UMA BREVE HISTÓRIA DE ISRAEL e do atual conflito com os Palestinos!

Porque haverá grande angustia na terra, e ira sobre este povo. E cairão ao fio da espada, e para todas as nações serão levados cativos; e Jerusalém será pisada pelos gentios, até que os tempos dos gentios se completem. — Jesus, em Lucas.

Abraão saiu de Ur dos Caldeus a fim de herdar uma terra. Peregrinou sobre essa tal terra décadas e décadas, comprou pedaços dela, mas não a viu sob seu poder jamais. Nem tampouco seu filho Isaque a viu como status de propriedade, exceto pela fé; e os netos de Abraão, Jacó e Esaú, também jamais viram a “terra da promessa” como uma promessa que para eles se cumprira.
Foi somente depois de 430 anos de cativeiro no Egito dos grandes faraós, que o povo de Abraão, os Hebreus, pela primeira vez tentou herdar no braço a terra que Deus dera a Abraão pela fé.
Todavia, foi apenas no tempo do rei Davi e de seu filho Salomão que os filhos de Israel tiveram pela primeira vez o real domínio da “terra da promessa” feita a Abraão.
No entanto, durou pouco, pois, com a morte de Salomão, os próprios filhos de Israel se separaram, dividindo-se em dois reinos: o do Norte e o do Sul, o último com sede em Jerusalém.
Ambos os reinos pecaram muito contra Deus e contra a vida, e, por isso, a seu tempo, foram levados para cativeiro.
É, no entanto, o cativeiro do reino Sul de Israel — o reino de Judá, com sede em Jerusalém —, que ganha importância vital na narrativa bíblica, pois, entre outras coisas, o reino do Norte, no cativeiro que experimentou, acabou se diluindo e perdendo a identidade cultural, genética e espiritual, segundo os critérios religiosos dos “filhos de Israel”.
Depois de 70 anos em cativeiro na Babilônia os filhos de Israel do reino Sul, da tribo de Judá, receberam permissão para voltar à sua terra, à Jerusalém, e reconstruírem a cidade que fora destruída.
Eles o fizeram, mas, depois do exílio em Babilônia, jamais de fato foram soberanos sobre a terra, tendo sempre que estar sob alguma forma de vigilância ou domínio ou mesmo de convivência perigosa.
Estiveram sob o domínio grego Ptolomeu e Seleuco durante dois séculos. Revoltaram-se e conseguiram quase 100 anos de independência angustiada, quando da Revolta dos Macabeus.
Entretanto, os Romanos chegaram, e, com eles, o domínio de muitas bestas. Foi nesse tempo que Herodes, o Grande, se apoderou da terra e do reino em Israel.
Naqueles dias a terra já começava a ser chamada de Palestina. Foi nesse período que Jesus nasceu.
Assim, pode-se dizer que a vida física de Jesus aconteceu sob o domínio Romano.
Israel tinha liberdade para habitar e governar os aspectos morais e religiosos do país, da terra de Israel, ou, Palestina, como preferiam chamar os Romanos.
Os Romanos, assim como os gregos antes deles, preferiam chamar a terra de Israel de Palestina, a fim de não dar status tão particular à nação de Israel, pois, era politicamente melhor para os Romanos chamarem a terra por um nome e a nação por outro, diminuindo assim a força da identidade daquele povo, cuja força de identidade nem os Romanos e nem nenhum outro povo na história da civilização jamais possuiu tão fortemente.
A terra dos filhos de Israel fora antes chamada de Terra de Canaã, em razão de que ali viviam antes os cananeus e povos de cultura semelhante à deles. Depois se tornou apenas Israel. Os gregos já chamavam a terra pelo nome Palestina. Mas foram os Romanos os que consagraram o termo ligado àquela região.
O nome Palestina decorre do nome da região sul de Israel, onde hoje é a Faixa de Gaza, e que é assim chamada em razão dos Filisteus que ali viveram anos, conforme as narrativas bíblicas. Ora, o nome original era Philistia, que, com o tempo, virou Philistin, e, depois, Palestina.
No ano 70 depois do nascimento de Jesus a cidade de Jerusalém foi destruída, conforme a predição de Jesus, e também conforme Ele os judeus foram dispersos para todas as nações da Terra.
Quase dois mil anos passaram desde então, e, durante esse longo lapso de tempo histórico, os filhos de Israel jamais deixaram de ter judeus morando e vivendo na Palestina. Além disso, os Samaritanos, que são os remanescentes do reino Norte de Israel, também jamais deixaram de viver na região da Samaria, hoje Cisjordânia.
Israel, no entanto, passou a ser apenas um nome da Bíblia, para os Ocidentais e para o mundo em geral, sendo que havia gente que pensava que Jerusalém nem mais existia, e isto até bem pouco tempo atrás, tamanha era a força da suposta realidade de que o Israel da Bíblia acabara, tendo sobrado apenas os chamados judeus; e esses como cidadãos errantes do mundo, uma espécie de ciganos de elite do Planeta.
Israel nunca teve vida fácil. Desde Abraão que a existência é dura para Israel.
Da destruição de Jerusalém pelos Romanos até hoje, eis em síntese o que aconteceu:
No ano 68, isto é, apenas cerca de 40 anos depois de Jesus ter dito as palavras acerca da destruição de Jerusalém e a Dispersão dos Judeus, o general romano Tito foi enviado com as suas tropas para controlar uma rebelião judaica nacionalista. Após dois anos de cerco, os romanos entraram na cidade e dizimaram a população. A fúria dos romanos, certamente provocada pela resistência judaica, foi de tal ordem que incendiaram praticamente a cidade inteira, incluindo o Templo. Cumpriu-se literalmente a profecia de Jesus: não ficou «pedra sobre pedra».
Os judeus sobreviventes foram vendidos como escravos e o povo em geral foi disperso por muito lugares. A partir do ano 70, Israel deixou de existir como nação com um território próprio. Os judeus espalharam-se por muitas nações, procurando sobreviver em condições de grande adversidade.
Ao longo de séculos, foram constantemente e irracionalmente perseguidos. Nas fogueiras e nas prisões do Santo Ofício, milhares pereceram às mãos da Inquisição. Os progroms e o anti-sionismo dos países da ex-União Soviética perseguiram, prenderam e mataram muitos judeus.
Ora, todos nos lembramos da famosa «solução final» de Hitler nos campos de concentração nazistas, onde seis milhões de judeus foram aniquilados, numa operação macabra de morte que ainda hoje continua a chocar as nossas consciências.
Após a destruição de Jerusalém no ano 70 de nossa era, os romanos ergueram uma nova cidade - Aelia Capitolina - sobre suas ruínas. Os judeus eram proibidos de entrar no seu antigo lugar de culto.
No século 4º, a Terra de Israel fazia parte do Império Bizantino; Jerusalém tornara-se um cidade cristã, e legiões de peregrinos vinham visitar os locais relacionados ao advento do cristianismo.
Os árabes muçulmanos, comandados pelo califa Omar, conquistaram Jerusalém em 683 e construíram o Domo da Rocha no lugar do primeiro e segundo Templos. Os judeus tinham novamente permissão para viver na cidade, administrada durante os quatro séculos seguintes pelos califas muçulmanos, desde suas capitais em Damasco, Cairo e Bagdá.
Jurando libertar Jerusalém do Islã, os Cruzados e seus exércitos partiram da Europa em 1096. A conquista da cidade foi acompanhada pelo massacre de seus habitantes judeus e muçulmanos. Durante quase um século, Jerusalém foi a capital do Reino Latino da Terra Santa.
Saladino, Muçulmano do Curdistão, conquistou Jerusalém em 1187 e permitiu o retorno dos judeus à cidade. Os quase quatro séculos de domínio muçulmano foram marcados por negligência: a população da cidade minguou e as muralhas se arruinaram. Somente no início do domínio turco otomano, no princípio do século 16, Jerusalém recuperou parte de seu antigo esplendor.
No século 19, com o enfraquecimento do poder otomano e o despertar do interesse europeu pela Terra Santa, o atraso medieval cedeu diante do progresso ocidental. Jerusalém expandiu-se, e por volta de 1840, o número de habitantes havia aumentado consideravelmente, sendo que mais da metade eram judeus.
No fim da 1ª Guerra Mundial (1917), o general inglês Allenby aceitou a rendição da cidade por parte do prefeito de Jerusalém, finalizando o domínio otomano. Durante os 30 anos seguintes, a cidade foi a sede administrativa do mandato britânico. Durante esta época, o povoado estagnado e abandonado transformou-se em cidade florescente.
Na atualidade a cidade de Jerusalém tem sido palco de inúmeras disputas entre as três maiores religiões que ali se instalaram: judaísmo, cristianismo e islamismo! Esta disputa é feita palmo a palmo, pois as três religiões reivindicam os locais sagrados de Jerusalém.
Os judeus dizem ter direito à cidade, pois ela sempre foi a capital do Estado de Israel, e foi sempre ali que seus antepassados viveram, foi ali que os profetas entregaram as palavras ditas pelo Eterno à nação, etc...
Os árabes dizem ter direito à cidade, pois quando os judeus foram dispersos pelo mundo no ano 70 d.C., eles então se apossaram da cidade e do país e reivindicam então sua posse.
Os cristãos da mesma forma, pois durante os períodos de conquistas, eles passaram por Jerusalém e ali estabeleceram marcos históricos presentes até a atualidade na cidade! Eles edificaram igrejas (católicas) e afirmam que a cidade é seu patrimônio, pois Jesus Cristo (considerado por eles o fundador do cristianismo!) viveu, padeceu, morreu e ressuscitou ali!
A controvérsia está longe de ser decidida e percebemos que desde sempre existiu uma pressão dos países considerados como "potências" mundiais para que haja tolerância em Jerusalém! Jerusalém é tida como "Cidade Universal", reclamada para tornar-se o catalisador mundial das religiões!
Ora, nos últimos dois mil anos, além de todas as lutas e perseguições anteriores, os judeus, filhos de Israel, sofreram mais do que qualquer outro povo na história humana.

E mais:

Nunca um povo experimentou e sobreviveu a tanta ira espalhada pela Terra!
Depois do “Holocausto”, termo hoje abominável aos “politicamente corretos” da mídia e da intelectualidade, os judeus receberam permissão da ONU para voltarem à Palestina, mas apenas para tentarem a vida lá; numa terra que depois de ter tido todos os tipos de ocupantes e de ocupação, agora, depois de 1948, estava sob o domínio Inglês e Jordaniano, com supremacia do status religioso dos Islâmicos, desde que os Cruzados perderam a “Terra Santa” de vez para os Mulçumanos no inicio do 2º Milênio desta era.
Os judeus já vinham comprando terras na região desde muito antes da ONU decidir mandá-los de volta para lá, para a sua terra, a terra de seus pais, da qual haviam saído não por livre vontade, mas por deportação, no ano 70 desta era.
A terra estava quase que completamente abandonada. Era pântano para todo lado, com muita doença; e, no Norte, na Galileia, muita era a malaria que atacava a todos os que ali obrigados a viver; e que lá não viam nada de bom.
Jerusalém só interessava em razão de sua importância religiosa para os Islâmicos também, mas, na pratica, a terra toda estava em estado de avançada desertificação, ou, então, entulhada de pedras ou tomada pelos pântanos.
Os judeus chegaram estabelecendo Kibutz. Comunidades agrícolas e comunistas na gestão de tudo. Receberam mão de obra de outros judeus que logo começaram a afluir para a terra de seus pais.
Não demorou e os Kibbutzs começaram a ser atacados pelos árabes islâmicos, tanto Palestinos, quanto Egípcios, Sírios e Jordanianos.
Trabalhavam com uma mão e empunham a arma na outra. Anos e anos a fio. Então, depois de muitas guerras contra essas forças, Israel tomou parte da cidade de Jerusalém. Foi a Guerra da Independência, mas o status da cidade de Jerusalém foi mantido, com a supremacia dos Islâmicos sobre a área mais sagrada da terra: a Monte do Tempo; onde estão as Mesquitas de Omar e El Aksa.
Depois os Egípcios atacaram na chamada Guerra dos Seis dias, mas foram vencidos, não tendo tipo a cidade do Cairo tomada pelos exércitos de Israel por pedido encarecido da ONU.
Então, no inicio da década de 70, os Sírios e os Egípcios atacaram outra vez de surpresa, só que agora no Dia do Perdão dos Judeus.
Outra vez, quase depois de vencidos, Israel virou a guerra, e, ao Norte, empurrou os Sírios de volta, e, ao sul, desbaratou os Egípcios. Outra vez a cidade do Cairo, no Egito, tanto quanto Damasco, na Síria, não foram tomadas em razão de encarecidos pedidos da ONU.
Israel, todavia, depois de ter sido invadido oficialmente duas vezes, e, centenas de vezes alvejado por torpedos Sírios, lançados de sobre as Colinas de Golan, decidiu não mais devolver Golan aos Sírios, pois, de cima das colinas eles atacavam sistematicamente, durante anos e anos.
Com a supremacia definida de Israel na região, definitivamente estabelecida de 1974 para frente, reinou um período de certa tranqüilidade alguns anos.
Arafat, no entanto, praticava sistematicamente o terrorismo, sempre na intenção de provocar um levante na terra.
De 1977 para cá, tudo o que aconteceu por lá, posso dizer que vi com os meus próprios olhos, e, em algumas ocasiões, eu estava lá quando havia conflitos como o que agora se vê.
Quando vejo os ataques de Israel em resposta aos ataques do Hamas, sinto muita dor pelos inocentes Palestinos.
Vejo-os sofrendo como os inocentes moradores de uma favela do Rio, tomada por traficantes, em guerra com forças do Estado, e, usando o povo como escudo para o enfrentamento.
Ora, internamente os Palestinos estão mais divididos do que a mídia anuncia.
De fato, o que vejo é perverso em todos os sentidos.
É perverso porque os inocentes Palestinos estão sendo usados covardemente pelo Hamas. É perverso porque as autoridades de Israel estão exagerando em muito na medida da resposta. Perverso porque não há solução na cessação de nada, pois, o Hamas não cessa nada nunca. Perverso porque a estratégia do Hamas é fazer o que está fazendo a fim de por o mundo em grande ira contra Israel. Perverso porque não se divulga nada com isenção, e, em não se fazendo, apenas aumenta-se o ódio reinante e as reações de ambos os lados.

O fato é que Israel é atraidor de Ira!

Ira entre os povos!

E que Ira é essa?

Ora, além de que Israel é o povo cultural e geneticamente mais uniforme do Ocidente da Terra, é também o povo que mais contribuiu proporcionalmente para tudo o que o mundo chama avanço e genialidade cultural, artística, intelectual, filosófica e cientifica.
Os próprios Árabes, primo-irmãos dos Judeus, nem de longe lograram a homogeneidade que os de Israel conseguiram, e, muitos menos, tiveram ou têm o avanço de consciência que os judeus possuem.
O terrorismo Árabe-Palestino ou Árabe qualquer coisa, não dá chance à paz.
Quem pode negociar com seqüestradores?
Quem pode negociar com terroristas?
Quem pode negociar com quem joga um jogo para o mundo e outro para dentro?
Quem pode negociar com quem ganho o Nobel da paz para fora, para o mundo, e, ao mesmo tempo, incentiva o terrorismo?
Assim, com toda razão Israel ataca, e, fica sem razão por atacar atingindo os civis, mas não tem alternativa, pois, não fazendo o que faz, não agüentara as pressões internas. Ao mesmo tempo em que fazendo o que está fazendo, atrai a Ira do mundo contra si mesmo, o que, no caso de Israel é um perigo, posto que por razoes que nem as pessoas compreendem, os filhos de Israel existem sob a Ira da inveja e do desconforto espiritual dos povos.
Israel é objeto de todas as iras: as justificáveis e as injustificáveis!
E é assim porque Israel é um elemento pivotal no elemento profético da existência humana!

Quem lê, entenda!

Caio

15 de janeiro de 09
Lago Norte
Brasília
DF

Devocional para Quinta-feira, 15 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
Porque o SENHOR é bom, a sua misericórdia dura para sempre, e,
de geração em geração, a sua fidelidade.
-- Salmos 100:5

PENSAMENTO:
Eu geralmente acelero a leitura bíblica quando chego nas
genealogias. Mas hoje vamos parar para ler Mateus 1:1-17, e ser
lembrados de que o amor, a misericórdia e a fidelidade de Deus não
apenas passaram por aquelas gerações, mas também abençoaram e
sustentaram cada uma delas. Do mesmo jeito que Ele fez no passado,
Ele fará ainda mais nos dias à frente, enquanto aguardamos a volta
de seu Filho e nosso Salvador, o Senhor Jesus Cristo.

ORAÇÃO:
Num mundo em constante mudança, e com o qual não podemos contar,
obrigado, querido Pai, por ser constante e fiel. Numa época em que
muitos parecem querer tirar ou conseguir algo de mim, obrigado,
querido Pai, por me abençoar constantemente. Sou grato porque o
Senhor dura mais do que as montanhas e é mais glorioso do que o
mais lindo raiar de sol. No nome de Jesus, seu Filho e minha
glória. Amém.

14 janeiro 2009

Devocional para Quarta-feira, 14 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
Entrai por suas portas com ações de graças e nos seus átrios,
com hinos de louvor; rendei-lhe graças e bendizei-lhe o nome.
-- Salmos 100:4

PENSAMENTO:
Sem dúvida, esta exortação é da época do templo físico de Deus,
em Jerusalém. Mas também precisamos lembrar que para nós, o povo da
Nova Aliança de Deus, o templo de Deus é a igreja (1 Co 3:16) e
nossos próprios corpos (1 Co 6:19). Valorizemos e celebremos com
alegria nossa família espiritual, a igreja. Também glorifiquemos a
Deus com nossos corpos! Demos graças e louvemos o nome de Deus em
público, na intimidade, e em grupo.

ORAÇÃO:
Pai, eu entro no lugar mais santo e me aproximo do Senhor graças
ao sacrifício de Jesus. Eu fico maravilhado porque o Senhor me
escuta. Eu me alegro muito porque o Senhor me acolhe, porque eu
posso estar com o Senhor e dizer o quanto aprecio tudo o que o
Senhor tem feito por mim. Muito obrigado por se encontrar comigo
nesse lugar de oração, até que eu possa ir para a sua casa, e vê-lo
face a face. No nome de Jesus Amém.

13 janeiro 2009

Devocional para Terça-feira, 13 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
Sabei que o SENHOR é Deus; foi ele quem nos fez, e dele somos;
somos o seu povo e rebanho do seu pastoreio.
-- Salmos 100:3

PENSAMENTO:
Deus nos fez. Ele nos fez no útero de nossas mães, com um
carinho especial, e com um propósito para nossas vidas, prometendo
estar conosco por onde quer que andemos. Deus cuida de nós, muito
melhor do que até mesmo o melhor pastor pode cuidar de suas
ovelhas. Então, vivamos como quem conhece seu Líder, Criador e Rei!
Manifestemos seu caráter, compartilhemos sua graça, estendamos sua
misericórdia, e ofereçamos seu perdão. Mostremos que somos dele!

ORAÇÃO:
Eu sou muito grato, querido SENHOR, por o Senhor ser Deus.
Obrigado por ser meu pastor, meu Pai, e meu Herói. Por favor,
ajude-me a fielmente manifestar seu caráter e bondade para os que
estiverem ao meu redor. No nome de Jesus eu oro. Amém.

12 janeiro 2009

Devocional para Segunda-feira, 12 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
Servi ao SENHOR com alegria, apresentai-vos diante dele com
cântico.
-- Salmos 100:2

PENSAMENTO:
Não nos limitemos a cantar só na igreja, ou a ter uma alegria de
santuário. Façamos do dia de hoje um dia no qual escutamos música
cristã, enquanto cantamos nossos agradecimentos e louvores para
Deus.

ORAÇÃO:
Querido Pai do céu, muito obrigado por dar a nós, sua criação
humana, o dom da música. Obrigado por todos aqueles que escrevem e
cantam músicas de louvor que trazem tanta alegria ao meu coração.
Por favor, agrade-se do meu louvor, enquanto ouço e canto para
expressar meu amor pelo Senhor. Eu lhe agradeço do fundo do meu
coração por todas as bênçãos que o Senhor derrama na minha vida. No
nome de Jesus eu agradeço. Amém.

Devocional para Domingo, 11 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
Celebrai com júbilo ao SENHOR, todas as terras.
-- Salmos 100:1

PENSAMENTO:
Louvemos o Senhor com alegria! Adoremos o SENHOR dos senhores e
Rei dos reis hoje. Vamos encontrar pequenos momentos no nosso dia,
aproveitá-los bem, e usá-los para dar graças e louvar nosso Pai no
céu. Quando somos abençoados, paremos um momento, para adorar. Em
toda coisa boa, digamos uma frase de adoração ao nosso Pai
gracioso.

ORAÇÃO:
Pai amoroso e brando, Deus de misericórdia e poder, eu acho
absolutamente incrível que o Senhor me permita conhecê-lo, o
maravilhoso e santo Criador. O Senhor é tão bondoso por me ouvir, a
mim, uma das suas criaturas. Sua graça me salvou; eu lhe louvo! Seu
amor me refez; Eu lhe agradeço. Sua força me deu poder para mudar;
Eu aprecio o que o Senhor fez por mim. O Senhor é maravilhoso,
querido Pai, e eu lhe amo com todo meu coração. Eu lhe louvo no
nome de Jesus, seu maior presente. Amém.

10 janeiro 2009

Devocional para Sábado, 10 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
O coração do homem traça o seu caminho, mas o SENHOR lhe dirige
os passos.
-- Provérbios 16:9

PENSAMENTO:
Estamos na metade da segunda semana do novo ano. Como estão indo
as mudanças e alvos que você havia programado para este ano? Não
desista… mesmo que esteja sendo difícil cumpri-los. Mas
lembremo-nos de que o único compromisso de verdade para este ano,
que é absolutamente necessário que cumpramos, é perguntar ao Senhor
aonde Ele quer que vamos e o que quer que façamos. Daí devemos ir e
fazer!

ORAÇÃO:
Santo Deus, SENHOR Poderoso, Pai, obrigado por ser maravilhoso,
santo e tremendo. Obrigado também por se importar comigo, com minha
vida, minhas decisões, e minhas dificuldades. Por favor, guie-me
pelo seu Espírito, para que eu possa entender sua Palavra e
discernir sua vontade para minha vida. Eu desejo que o Senhor
dirija todos os meus passos. No nome de Jesus eu oro. Amém.

09 janeiro 2009

Devocional para Sexta-feira, 9 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
Afastai-vos, pois, do homem cujo fôlego está no seu nariz. Pois
em que é ele estimado?
-- Isaías 2:22

PENSAMENTO:
“Se eu tivesse um amigo.” “Se meu pai não tivesse ido embora.”
“Se ela me desse mais apoio.” “Se…” Mesmo que pessoas nos
desapontem, ainda colocamos tanta esperança nelas. Elas são
falíveis e mortais como nós. Então, enquanto estivermos envolvidos
nas vidas de outras pessoas, lembremo-nos também de manter nossa
esperança no filho de Deus, que “venceu a morte e trouxe a
imortalidade e vida à luz” e que “nunca, jamais nos abandonará.”

ORAÇÃO:
Perdoe-me, querido Pai, quando faço meu bem-estar e felicidade
dependerem de eu ser aceito por um grupo, ou amado por uma pessoa.
Eu sei que minha única e duradoura esperança está em Jesus, no nome
de quem eu oro. Amém.

08 janeiro 2009

Devocional para Quinta-feira, 8 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
Bom é o SENHOR para os que esperam por ele, para a alma que o
busca.
-- Lamentações de Jeremias 3:25

PENSAMENTO:
Este lembrete da verdade veio em meio às cinzas da destruição de
Jerusalém, e da desgraça que caiu sobre o povo de Deus, devido à
sua desobediência contínua. Os que esperam pacientemente, e têm
esperança fervorosa no SENHOR, encontrarão o que suas almas mais
precisam!

ORAÇÃO:
Dê-me paciência e fé, Ó Deus, para os momentos em que a vida é
dura, e tudo parece estar contra mim. Eu acredito que o Senhor é
bom para os que perseveram, que esperam pacientemente pelo seu
grande livramento. Querido Pai, por favor dê-me esta força, porque
eu quero não apenas receber sua bênção, mas também lhe trazer
honra. No nome de seu Filho, Jesus, eu oro. Amém.

07 janeiro 2009

Devocional para Quarta-feira, 7 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
As misericórdias do SENHOR são a causa de não sermos consumidos,
porque as suas misericórdias não têm fim; renovam-se cada manhã.
Grande é a tua fidelidade.
-- Lamentações de Jeremias 3:22-23

PENSAMENTO:
O que lhe sustentou à noite? O que lhe fará passar por este dia?
O que lhe capacitará a atingir alvos e até mesmo ser bem sucedido
nos dias à frente? As misericórdias do SENHOR. Essas fontes
incríveis nunca se esgotam! Cada dia novo traz um estoque novo
delas. Deus é fiel em fazer com que a recebamos cada dia. Glória
seja dada a Deus por fazer nosso mundo novo e limpo a cada dia.

ORAÇÃO:
Obrigada, Santo Deus e Pai amoroso, por me sustentar durante a
noite , e por me prometer dias sem fim, ao final da minha jornada
de vida. Que o Senhor, meu Pai do céu, possa encontrar amor e
louvor nos meus lábios e no meu coração em todo o tempo. No nome de
Jesus eu oro. Amém.

06 janeiro 2009

Devocional para Terça-feira, 6 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
Cantarei ao SENHOR enquanto eu viver; cantarei louvores ao meu
Deus durante a minha vida. Seja-lhe agradável a minha meditação; eu
me alegrarei no SENHOR.
-- Salmos 104:33-34

PENSAMENTO:
Você canta no chuveiro? Que palavras estão nos seus lábios?
Cantar é um dom tão maravilhoso! Primeiro, é um presente de Deus
para nós, para nos ajudar a expressar nossa alegria, animação,
tristeza, e vitória. Segundo, é um presente de nós para Deus, para
nos ajudar a comunicar nosso respeito, apreciação, amor e confiança
nele. Então, cantemos, louvando a Deus pelo que Ele já fez,
proclamando o que Ele vai fazer, e compartilhando o que Ele está
fazendo nas nossa vidas no dia de hoje!

ORAÇÃO:
Ó Deus, Pai no céu, até o seu nome é santo. Por favor, faça sua
vontade no meu coração, e nos corações das outras pessoas neste
mundo, para que reflitamos mais fielmente o seu caráter santo. Eu
confio que o Senhor providencia a comida que eu preciso para cada
dia. Santo Pai, perdoe-me quando eu desabafo minha amargura e raiva
que tenho guardado daqueles que me machucaram. Dê-me poder, Ó Deus,
para resistir às tentações e enganos do Mal. Por favor, faça da
minha vida uma testemunha gloriosa da sua graça. No nome de Jesus
eu oro. Amém.

05 janeiro 2009

Devocional para Domingo, 4 de Janeiro, 2009

Domingo, 4 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
... e vos revistais do novo homem, criado segundo Deus, em
justiça e retidão procedentes da verdade.
-- Efésios 4:24

PENSAMENTO:
Uma das maiores decisões que fazemos no começo do dia é o que
vamos vestir. Bem, independente da roupa que escolhamos,
certifiquemo-nos de que nos vestiremos com a nova pessoa que Deus
nos refez para ser quando nos convertemos. Esta será a única roupa
que sempre ficará bem em nós, eternamente!

ORAÇÃO:
Querido Pai, que as pessoas possam ver o caráter e a semelhança
com Cristo em mim hoje. Senhor Jesus, no seu nome eu peço que o
Senhor guie minhas decisões e me ajude a saber como o Senhor quer
que eu me conduza nas situações com as quais lidarei hoje. Amém.

Devocional para Segunda-feira, 5 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
  Com minha alma suspiro de noite por ti e, com o meu espírito
dentro de mim, eu te procuro diligentemente ...
   -- Isaías 26:9

PENSAMENTO:
  Quando um jovem casal apaixonado fica separado, eles anseiam
para se unirem de novo. Quando um pai ou mãe fica separado do seu
filho, a saudade é intensa. Quando uma pessoa não pode mais
permanecer com o cônjuge de muitos anos, devido a doença, morte ou
divórcio, a alma daquela pessoa geme para estar junto daquela que
tanto ama. Você reconhece seu espírito doendo para estar com Deus?
Você termina cada dia e recomeça outro ansiando por estar na
presença de Deus? Reconheçamos nossa fome de Deus, não apenas
satisfazendo-a passando tempo com Ele, mas também comunicando nosso
desejo, afeição e necessidade pela presença de nosso Pai celestial.

ORAÇÃO:
  Pai Santo e Justo, eu gemo para estar em sua presença. Eu sei
que o pedaço da minha alma do qual às vezes sinto falta, só pode
ser encontrado no Senhor. Por favor, querido Pai, seja muito real e
presente na minha vida hoje. No nome de Jesus eu oro. Amém.

03 janeiro 2009

Devocional para Sábado, 3 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
  ... renoveis no espírito do vosso entendimento ...
   -- Efésios 4:23

PENSAMENTO:
  Não temos poder de renovar a nós mesmos. Podemos nos guardar de
influências que corrompem. Podemos nos oferecer a Deus e vir a
discernir melhor sua vontade. Mas no final, só Deus pode fazer a
renovação; não apenas quando somos salvos, mas diariamente. Só a
graça de Deus pode nos sustentar, nos dar poder e nos renovar.
Vamos nos oferecer a Ele. Daí, vamos confiantemente pedir que sua
graça nos fortaleça, nos aperfeiçoe e nos renove!

ORAÇÃO:
  Pai, venho ao Senhor para pedir que sua graça me renove na
maneira como vejo as coisas, especialmente as pessoas. Por favor,
limpe meu coração e renove minha mente e meu espírito. No nome de
Jesus eu oro. Amém.

02 janeiro 2009

Devocional para Sexta-feira, 2 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
  [aprendestes a Cristo] no sentido de que, quanto ao trato
passado, vos despojeis do velho homem, que se corrompe segundo as
concupiscências do engano...
   -- Efésios 4:22

PENSAMENTO:
  É difícil, não é?! Cada um de nós entregamos nossos corações a
Deus, e nosso velho eu foi crucificado com Cristo quando nos
tornamos cristãos (Rm 6:6). Jesus nos lembra que esta entrega é
algo que cada um de nós deve fazer diariamente (Lc 9:23). Nós
precisamos colocar a velha vida pecaminosa pra trás todos os dias,
e escolher viver para Cristo como resposta à graça de Deus. Ao
começarmos este novo ano, tenhamos como hábito conscientemente
oferecermos a nós mesmos ao senhorio de Jesus a cada dia.

ORAÇÃO:
  Senhor Santo e Poderoso, meu Pai no céu, eu quero honrá-lo e
ignorar as tentações de Satanás. Por favor, dê-me poder pelo seu
Espírito e apodere-se do meu coração com a sua graça, à medida em
que eu busco viver cada dia para o Senhor. No nome de Jesus eu oro.
Amém.

01 janeiro 2009

Devocional para Quinta-feira, 1 de Janeiro, 2009

VERSÍCULO:
  Não há sabedoria, nem inteligência, nem mesmo conselho contra o
SENHOR.
   -- Provérbios 21:30

PENSAMENTO:
  Não importa quão esperançoso seja o começo, nem quais sejam os
planos que façamos, se não andarmos com Deus, o ano que vem não
será um sucesso espiritual. Ao receber este presente de um ano
novo, vamos nos comprometer a servir ao Senhor. Ao fazermos planos
para os dias vindouros, certifiquemo-nos de que eles sejam baseados
na vontade revelada no Senhor nas Escrituras, e de que consideremos
em oração o que Deus quer que executemos nos dias à nossa frente.

ORAÇÃO:
  Deus dos séculos, meu Pai no céu, obrigado por estar bem perto
enquanto começo o ano novo. Por favor, ajude-me a conhecer sua
vontade a cada dia. Traga pessoas à minha vida que me ajudarão a
lhe amar mais, servi-lo mais eficazmente, e a abençoar outros de
maneira significativa. Ao Senhor seja toda a honra e glória do que
eu faço, penso, e digo nos dias que vêm. No nome de Jesus eu oro.
Amém.
Google