17 dezembro 2016

Devocional para Sábado, 17 de Dezembro de 2016

Filho de DEUS e Filho do Homem são os dois nomes que descrevem a natureza de CRISTO.
Para a igreja sempre foi difícil compreender este mistério, aceitar esta combinação improvável da natureza divina e humana numa só pessoa.
Ora o vemos como DEUS, ora como homem, mas como homem/DEUS é um mistério que transcende nossa limitação racional. Olhar para aquela criança na manjedoura de Belém e reconhecer nela não apenas um bebê, mas o próprio DEUS, exigia e continua exigindo fé.
Mas a criança de Belém era e é o Filho de DEUS, gerada pelo ESPÍRITO SANTO e enviada para ser nosso SALVADOR.
Somente o Filho do Homem e o Filho de DEUS poderia realizar esta obra redentora. Nosso SALVADOR não poderia ser apenas um homem, igual a nós, pecador como nós; nem tampouco somente DEUS, totalmente diferente de nós. CRISTO é o DEUS que se fez homem, absolutamente DEUS e absolutamente homem que nos trouxe por sua morte e ressurreição, a reconciliação dos homens com DEUS.
"Senhor, agradeço-te por me teres criado segundo a tua imagem, para que te conheça e ame. Mas essa imagem se acha de tal modo corrompida por pecados, que não consegue cumprir a tarefa para a qual foi criada, a não ser que tu a renoves e recries através da fé em teu Filho crucificado Jesus Cristo. Desejo apenas entender uma pequena parcela de tua verdade, que meu coração crê e ama. Pois não procuro compreender para poder crer, antes creio para poder compreender."
Anselmo de Cantuária.

Márcio Melânia
Postar um comentário
Google