29 janeiro 2017

Devocional para Domingo, 29 de Janeiro de 2017



Neste Salmo, vemos a evidência da profundidade do relacionamento de seu autor, Davi, com DEUS.
Davi certamente era um homem segundo o coração de Deus, como diz a Bíblia (1 Samuel 13.14).
Davi faz a diferença convidando DEUS para provar suas inquietações e conhecê-lo. E o foco aqui é diretamente sobre o que está dentro dele. Ele pede que DEUS olhe dentro dele, da sua pessoa interior, descubra e desnude seu íntimo.
Precisamos de humildade para orar como Davi, porque quando oramos desta maneira, estamos pedindo a DEUS para corrigir os nossos problemas, para que possamos novamente ter comunhão com nosso SENHOR, porque o pecado nos separa do nosso PAI celestial.
Quando humildemente admitimos e confessamos nossos pecados a DEUS, nós crescemos em nossa vida cristã.
É somente quando nós somos completamente honestos com DEUS que ELE pode nos ajudar com nossos problemas e nos mostra coisas que muitas vezes nós estamos demasiados cegos para ver.
Precisamos compreender que DEUS já conhece todas as nossas “ofensas”, e provavelmente outras pessoas também as reconhecem. Então, em vez de viver em negação e ser defensivo, precisamos pedir a DEUS por ajuda. Como cristãos, não devemos fugir de DEUS com as nossas lutas, devemos correr para DEUS em busca de ajuda e uma renovada relação com Ele.
Como cristãos, devemos estar solicitando a mesma coisa que Davi estava pedindo ao SENHOR: “Há pensamentos pecaminosos, mas intenções ou falhas que lhe causam dor, SENHOR? Estou magoando alguém? Sonda, ó DEUS, os meus sentimentos e emoções, sonda o meu intelecto e razão, e me faz conhecer se há em mim algum caminho que não TE agrada. Caso haja, ó DEUS, me livre dele e me guie pelo SEU caminho da Vida Eterna."

Márcio Melânia

Postar um comentário
Google