16 maio 2017

Devocional para Terça-Feira, 16 de Maio de 2017




A leitura de Eclesiastes tende a ter, em pessoas tolas, efeito semelhante ao que a pregação do evangelho tem em pessoas incrédulas.
Quando estas ouvem que a liberdade em CRISTO e a aprovação de DEUS provêm somente da fé, concluem que não precisam realizar qualquer boa obra.
Pensam que podem continuar pecando, pois a fé é suficiente. Por outro lado, quando nós pregamos que as boas obras são fruto da fé, esses incrédulos pensam que é por meio delas que serão salvos. Então tentam obter sua salvação realizando boas obras. Assim, ouvir a Palavra de DEUS frequentemente leva à arrogância ou ao desespero. É muito difícil evitar um desses extremos e encontrar o meio termo.


É isso o que acontece quando pessoas tolas ouvem o que Eclesiastes ensina sobre ter um coração calmo e quieto, que tudo deixa nas mãos de DEUS. Elas inferem que, se tudo está nas mãos de DEUS, não precisam realizar qualquer boa obra. Outras pessoas, que são tão tolas quanto essas, fazem o oposto. Preocupam-se demais, tentando sempre controlar tudo de todas as formas.


Nós, entretanto, devemos encontrar o meio termo. Precisamos trabalhar diligentemente, fazendo tudo o que pudermos e que não vá contra a Palavra de DEUS. Contudo, não devemos avaliar o nosso trabalho com base em nossos próprios esforços. Pelo contrário, devemos submeter todas as nossas realizações, soluções e sucessos a DEUS. O autor de Eclesiastes fala tanto àqueles que são preguiçosos como àqueles que são preocupados demais. Ele lhes diz para se submeterem completamente à Palavra de DEUS, bem como a trabalhar diligentemente. Assim, o autor de Eclesiastes proporciona uma boa advertência àqueles que não estão usando o meio termo.

Lutero

"SENHOR, ajuda-me a ter equilíbrio, ao me submeter à Tua Palavra. Amém."

_*****_

Márcio Melânia

Postar um comentário
Google