13 março 2017

Devocional para Segunda-Feira, 13 de Março de 2017




Sofonias pregou em Judá nas últimas décadas antes da queda deste povo aos babilônios.
A mensagem de Sofonias é curta, objetiva e forte. Ele usa linguagem que tem um tom de castigo final e universal para descrever o fim do mundo como os judeus o conheciam.
Sofonias não negligencia a mensagem da graça. O mesmo DEUS que traria tamanho castigo contra seu povo lhes estenderia a sua misericórdia.
Estes dois aspectos do trabalho divino ilustram bem o conceito bíblico do Dia do SENHOR. Seja o castigo de uma cidade, uma nação ou do mundo inteiro, é um dia no qual DEUS rejeita e castiga os rebeldes mas salva e protege os fieis.
No contexto das ameaças contra os gentios da filístia, DEUS disse: “Buscai o SENHOR, vós todos os mansos da terra, que cumpris o seu juízo; buscai a justiça, buscai a mansidão; porventura, lograreis esconder-vos no dia da ira do SENHOR” (Sofonias 2.3). As pessoas que aceitam este convite divino são as mesmas que recebem sua graça salvadora:“Mas deixarei, no meio de ti, um povo modesto e humilde, que confia em o nome do SENHOR” (Sofonias 3.12). Sofonias nos ajuda a entender o conceito do Dia do SENHOR, uma expressão que identifica um dia no qual Deus acerta as contas, salvando os obedientes e humildes e castigando os rebeldes e orgulhosos. Vamos sempre procurarmos ser pessoas modestas e humildes diante de Deus!

 "SENHOR, que tenhas misericórdia de mim, que me encontres no Seu dia, modesto e humilde na Tua presença. Amém."


Márcio Melânia
Postar um comentário
Google